Educação
04 Fevereiro de 2022 | 16h53

Saurimo ganha 35 novas salas de aulas

Dois mil e 500 alunos do ensino primário do município de Saurimo, província da Lunda Sul, deixam a partir de hoje, sexta-feira, de estudar em condições precárias, com a inauguração de dois complexos escolares com 18 e 16 salas de aulas cada.

As infra-estruturas orçadas em mais de 500 milhões de kwanzas, foram erguidas no quadro do Plano de Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM), que prevê a construção de 300 novas salas de aulas, nos quatro municípios da província.

A inauguração coube ao ministro de Estado e chefe da Casa Militar do Presidente da República, Francisco Pereira Furtado, que, na ocasião, destacou a inserção de mais crianças no sistema de ensino, por se afigurar como principal desafio do Executivo angolano.

O responsável considerou que tendo em conta a importância da formação académica para as crianças e a sociedade, com a nova infra-estrutura aumenta a esperança da população por um futuro melhor.

Francisco Furtado apelou aos alunos e professores para a conservação das infra-estruturas escolares e serem vigilantes contra os actos de vandalização.

Exortou,  igualmente, a participação da comunidade na preservação dos bens públicos, com vista a servir às gerações vindouras.

No presente ano lectivo foram matriculados 237 mil e 787 alunos nos diferentes subsistemas de ensino, assegurados por quatro mil e 483 professores, com uma oferta de mil e 706 salas de aulas, das quais, 421 provisórias.

A província da Lunda Sul vai ganhar, dentro de próximos dias, mais oito escolas de sete salas de aulas cada.

Presenciaram ao acto, o ministro da Administração do Território, Marcy Lopes, ministra da Educação, Luísa Grilo, governador da Lunda Sul, Daniel Neto, secretário de Estado para o Turismo, Hélder Marcelino, Engrácia Cabenha "Rainha do 4 de Fevereiro”, representantes de partidos políticos, efectivos das forças de ordem e segurança, entidades religiosas e tradicionais e membros da sociedade civil.

Fonte: Angop