Sociedade
18 Outubro de 2021 | 15h54

Polícia apresenta supostos marginais

A Polícia Nacional no Zaire deteve e apresentou, esta segunda-feira, em Mbanza Kongo, dois supostos marginais considerados altamente perigosos, que se dedicavam a assaltos em residências e na via pública com recurso a arma de fogo.

Trata-se de jovens com idades entre os 17 e 20 anos, que realizavam acções nos municípios de Mbanza Kongo, Cuimba e Nzeto, empunhando armas de fogo de tipo pistola e AKM.

Em declarações à imprensa, a porta-voz do Serviço de Investigação Criminal (SIC), Suzana Sebastião, explicou que a detenção resultou de uma micro-operação denominada "Operação 45 graus”, realizada de 14 a 17 deste mês.

Os acusados alegam que a pistola lhes terá sido disponibilizada por um agente da Polícia Nacional, por isso investigações prosseguem para se apurar a veracidade dos factos e responsabilizar o presumível efectivo da corporação.

Durante a operação, as forças do MININT desmantelaram ainda dois outros grupos de marginais compostos por 24 elementos, que se dedicavam aos crimes de roubos, furtos e ofensas corporais graves nos municípios de Mbanza Kongo e do Cuimba.

Foram recuperados diversos bens e meios que se encontravam em posse dos cidadãos, com destaque para electro-domésticos, motorizadas, materiais de construção, quantidades de estupefacientes e 17 mil e 965 litros de combustível.

Fonte: ANGOP