Sociedade
17 Julho de 2022 | 19h56

“Nó da UGP” inaugurado este domingo

O Nó rodoviário de Talatona, na avenida Pedro de Castro Van-Dúnem “Loy”, vulgarmente chamado também de “Nó da UGP”, que liga a parte norte e sul da província de Luanda, foi inaugurado e aberto ao tráfego neste domingo.

Avaliado em 55 milhões de dólares, a obra liga dois viadutos com cerca de 70 metros de cumprimento e 30 de profundidade em duas faixas de rodagem cada, ligando a zona do distrito do Benfica/Futungo e Morro Bento/Golfo-2, com acesso a Avenida 21 de Janeiro e outras zonas.

Entre as várias especificações técnicas da obra consta a sinalização rodoviária horizontal, vertical de código e orientação, túneis rectos em planta e declives longitudinais com 7%; drenagem pluvial gravítica dos túneis e rampas, rotunda com raio exterior de 40m e três (3) vias de circulação.

Para a construção desta importante obra, que teve seu início em Setembro de 2018, foram usadas 3.850 toneladas de aço, 29.500 m³ de betão, 11.500 toneladas de betuminoso, 884 estacas e 45.950 m³ de escavação.

A empreitada, situada na zona sul de Luanda, que constituiu, no passado recente, um dos principais focos de congestionamento viário da rede de estradas de Luanda, foi construída pela Tecnovia Angola, Coba Angola como projectista e a fiscalização esteve a cargo da Proenge.