Internacional
20 Maio de 2022 | 10h31

França confirma 1.º caso de varíola dos macacos. É um homem com 29 anos

Infetado reside na Île-de-France e não viajou para qualquer país onde o vírus circule. Informação é revelada, esta sexta-feira, pelo Le Parisien.

Foi confirmado, esta sexta-feira, o primeiro caso de monkeypox (varíola dos macacos) em França. Trata-se de um homem, de 29 anos, que reside na Île-de-France que "não tem antecendentes de viagem para um país onde o vírus circula", avança o Le Parisien.

O paciente está em casa, em isolamento.

O caso surge numa altura em que o número de doentes confirmados está a aumentar. Neste momento, há já 14 casos em Portugal. A diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, adiantou, esta quinta-feira, na TVI, que, até ao momento "não há relação entre focos" nos países onde foram detetados casos de infeção humana pelo vírus Monkeypox. 

Na Europa, a varíola dos macacos já foi detetada também em Espanha, Itália e Reino Unido

O vírus Monkeypox é do género Ortopoxvírus (o mais conhecido deste género é o da varíola) e a doença é transmissível através de contacto com animais, ou ainda contacto próximo com pessoas infetadas ou com materiais contaminados.

Manifestando-se em lesões que podem parecer idênticas à varicela, a infeção por vírus Monkeypox foi detetada pela primeira vez num ser humano em 1970 em países sobretudo da África Central e da África Ocidental.

Fonte: NM