COVID-19
04 Maio de 2022 | 19h11

Suíça suspende últimas restrições de entrada no país

A Suíça suspendeu todas as restrições à entrada no país à pandemia da Covid-19, deixando de exigir o comprovativo de vacina aos viajantes, confirmou segunda-feira o Ministério da Justiça e Polícia, responsável pelas questões migratórias, noticia a agência EFE.

"A partir de hoje (segunda-feira), é possível entrar na Suíça em condições normais”, dizem o ministério responsável.
Não é mais obrigatório apresentar um certificado de vacina  ou ter passado a infecção", disse a entidade em comunicado.

Especifica que esta decisão foi tomada com base na evolução positiva da situação epidemiológica na Suíça, como foi o caso na maior parte da Europa.

A Suíça encerrou as suas fronteiras em Março de 2020, devido à pandemia e as restrições foram posteriormente modificadas várias vezes.

Desde então, as autoridades mantiveram uma lista actualizada de países considerados de risco e dos quais os viajantes inicialmente não foram aceites, mas depois essa proibição foi alterada para uma obrigação de cumprir a quarentena

Essa lista agora está vazia, confirmou o ministério, citadas pela EFE.

Fonte: JA