Cultura
10 Dezembro de 2021 | 09h26

Estilistas mostram criações no Moda Angola

A IX edição do Moda Angola realiza-se domingo, a partir das 17h00, no Hotel Epic Sana, em Luanda, sob o lema “Liberdade Angola 46 anos da nossa Dipanda” , na qual estilistas nacionais mostram as tendências recentes.

Para esta edição, estão inscritos 15 criadores nacionais, com destaque para as províncias de Benguela, Cuanza-Sul, Huíla, Malanje, Huambo e Luanda. Um dos destaques é a participação internacional da criadora Betânia Soito,  mestre em desenho de Moda pelo Instituto Europeu de Design, em Madrid, Espanha. 

Segundo Daniel Pires, coordenador-geral do projecto, o evento da indústria da moda visa juntar, num só espaço, criadores e estilistas nacionais e internacionais, com o objectivo de promover a cultura angolana, por meio da manifestação artística da criação de moda.
Daniel Pires afirmou que o Moda Angola já é um sucesso nacional, afirmando-se até ao presente como principal projecto para a promoção da indústria da moda e o fomento do sector empresarial  no mercado nacional.

O também mentor do evento explicou que este ano está configurado um formato de blocos, no qual está incluído a exposição "Expo Moda Angola” , na qual terá momentos de networking e captação de parcerias,  apresentações de colecções de criadores de marcas nacionais para a temporada de verão e cacimbo do próximo ano e a atribuição do troféu "Ouro Negro”, o prémio entregue aos profissionais que muito se destacam para o fomento e o desenvolvimento desta indústria em Angola.

"A exposição dos criadores vai contar com a participação de fábricas têxteis, casas de moda, alta costura, máquinas e equipamentos, moda feminina e masculina, assim como infantil, calçados, academias de beleza, agências de moda, comités de concursos de beleza,  clínicas de estéticas, de acessórios de moda, as bancas e outras instituições ou marcas adjacentes”, realçou.

O Moda Angola é uma iniciativa da empresa Tussole Business, criadora e gestora do evento em Angola, em parceria com a Top Music Angola, como forma de dar uma oportunidade aos amantes da moda africana, de juntos encontrarem mecanismos para ajudar o Governo a fomentar a diversificação da economia neste sector, promover a indústria têxtil e aumentar a produção nacional de roupa, calçado, acessórios e outros artigos de moda bem como a promoção de exportações.

Um dos principais objectivos da iniciativa é contribuir para o desenvolvimento e afirmação de um "calendário oficial de eventos” nacionais anuais de moda no país, uma realidade do mundo da moda que precisa ser desenvolvida no nosso país.

Fonte: JA