Cultura
19 Novembro de 2021 | 15h53

Filipe Mukenga distinguindo com Prémio Nacional de Cultura e Artes

O músico e compositor Filipe Mukenga foi distinguido com o Prémio Nacional de Cultura e Artes, edição 2021 na categoria de Música, anunciou esta sexta-feira, em Luanda, o Ministério da Cultura, Turismo e Ambiente.

Segundo uma nota a que o Jornal de Angola teve acesso, igualmente foi distinguida a escritora Amélia Dalomba na categoria de Literatura, Ana Silva na categoria de Artes visuais e Plásticas, Rogério Ferreira de Carvalho, na categoria de Teatro, Projecto "Benguela Street Dance", dirigido pela coreógrafa Alda Lara, Afonso José Salgado Costa, na categoria de Cinema e Audiovisuais e a Associação Tchiweka de Documentação, na categoria de Investigação em Ciências Sociais e Humanas.

O corpo do júri do Prémio Nacional de Cultura e Artes, edição 2021 foi composto pelas seguintes personalidades: 

Presidente - José Octávio Serra Vandúnem e vice-presidente Noelma d'Abreu, (categoria de investigação em ciências sociais e humanas), Abreu Paxe e António Quino (Literatura), Kiluanje Kia Henda e Paula Nascimento (Artes Visuais e Plásticas), Agnela Barros e José Teixeira (Teatro), Afonso António e Edson Macedo (Cinema e Audiovisuais), Eduardo Sambo e Mário Furtado (Música), Ana Clara Guerra Marques (Consultora para a Dança) e Adriano Mixinge (Secretário do PNCA).

Prémio Nacional de Cultura e Artes foi instituído em 2000, com o propósito de galardoar criadores nas disciplinas de literatura, cinema e áudio visuais, artes plásticas, artes de espectáculos e investigação em ciência humanas e sociais.

Fonte: JA