Sociedade
04 Outubro de 2021 | 06h20

Governo multa por mau depósito de resíduos

O Governo Provincial de Luanda vai passar a atribuir maiores responsabilidades e a aplicar multas aos munícipes pelo mau uso e depósito dos resíduos sólidos que produzem, alertou ontem a governadora Ana Paula de Carvalho.

No acto de abertura da mega campanha de limpeza de Luanda, que se realizará regularmente aos sábados em sete dos nove municípios, considerou ser uma medida que visa disciplinar e diminuir os grandes focos de lixo.
Da parte do governo, a governadora realçou que vão ser mecanismos que ajudem a cumprir com as estratégias de recolha de resíduos.

Disse não ter gostado dos amontoados no bairro Calemba 2 nem na Praia Branca, onde, nesta última zona, havia muito lixo à beira-mar e nas valas de drenagem, o que dificulta o trabalho das operadoras de recolha e o encaminhamento natural das águas.

Para a campanha de ontem, foram mobilizados cerca de 300 efectivos das Forças Armadas Angolanas (FAA), distribuídos pelos sete municípios, mas houve, também, uma grande participação de fiéis da Igreja Universal, Associação dos Taxistas e de técnicos das administrações municipais.

A campanha contou, ainda, com a presença da embaixadora da Índia em Angola, Pratibha Parkar, que fez referência a Mahatma Gandhi como um grande impulsionador da limpeza das praias.

A presença da diplomata indiana visou, igualmente, celebrar os 152º aniversário de Mahatma Gandhi, que se comemorou ontem, sob o lema "Beach Cleaning Drive”.

Ontem, a governadora  Ana Paula de Carvalho  andou pelos municípios de Luanda, Talatona (Camama, Calemba 2 e Sapú), Kilamba Kiaxi, Viana (Mercado da Estalagem, zona da Maria Luísa e Madeira) e Belas (Cidade do Kilamba).

Fonte: JA